Notícias de franchising

05.03.2009

FIDUCIAL FAZ BALANÇO POSITIVO DE 2008 E VÊ 2009 COMO UM ANO DE OPORTUNIDADES

A FIDUCIAL, rede internacional de escritórios de Consultoria, Apoio à Gestão e Contabilidade a actuar em Portugal, faz um balanço positivo do ano de 2008. Para o gestor de marca, Ilídio Faria, apesar de ter sido um ano «verdadeiramente difícil para qualquer gestor, com uma crise de combustíveis sem precedentes, altas taxas de juro, crise de crédito, a Fiducial conseguiu aumentar o seu volume de negócios em 10 por cento».

Durante o ano de 2008 a marca facturou €4.697.389,87, com um total de 52 empresas franchisadas e 54 pontos de venda, contra os €4.253.457,60, de 2007, altura em que contava com um total de 58 empresas franchisadas e 60 pontos de venda. Este número torna-se ainda mais positivo se considerarmos que 2008 foi um ano de grandes mudanças para a rede FIDUCIAL, com a implementação de um projecto tecnológico inovador, que permitiu ligar clientes, franchisados e Master num único sistema de gestão, com uma maior fluidez de informação entre as diversas organizações, e tudo em tempo real.
No entanto, apesar do aumento do volume de negócios, o número de unidades franchisadas diminuiu. Segundo Ilídio Faria, esta diminuição deveu-se a «um processo de consolidação na rede, que libertou unidades pouco rentáveis, as quais contribuíam negativamente para os vários indicadores financeiros da rede, abrindo oportunidades para novos empreendedores se associarem a esta rede nacional», acrescentando que, «mesmo diminuindo o «número de escritórios, aumentou o volume de negócios, o que só foi possível devido ao excelente trabalho desenvolvido pelos parceiros Fiducial».
Para 2009 a marca prevê um ano muito positivo: um crescimento de 15 por cento no volume de negócios, para aproximadamente 5.4 milhões de euros, e um aumento de 20 por cento no número de unidades franchisadas, que irá levar ao aumento directo de 50 novos postos de trabalho. Isto porque a Fiducial considera que «a crise vai ser um factor impulsionador». Ilídio Faria diz mesmo que a rede de franchising que gere irá «atrair os empreendedores dispostos a investirem no seu próprio negócio e numa rede de sucesso, madura, consolidada, e com reconhecida qualidade do trabalho que desenvolve, como é a Fiducial».
Para além disso, a marca irá continuar a apresentar serviços inovadores. Ilídio Faria revela que «em 2009 será criado um Centro de Serviços Partilhados (CSP), que terá como objectivo trabalhar em regime de outsourcing para os parceiros Fiducial, fazendo por eles os serviços de contabilidade, processamento de salários e preparação de impostos». Para o gestor da Fiducial «este novo serviço tem a ambição de ajudar os franchisados a reduzir os seus custos entre 15 a 25 por cento, passando a ter mais tempo para se dedicarem aos serviços de grande valor acrescentado para o cliente, como é o caso do aconselhamento de gestão, relatórios financeiros, controlo de gestão e consultoria».
A comprovar o seu optimismo, Ilídio Faria acrescenta ainda: «As empresas e os empreendedores compram sucesso, e a Fiducial é reconhecidamente um caso de sucesso em Portugal, a demonstrar isso está o crescimento médio de 17 por cento no volume de negócios das empresas nossas clientes entre 2007 e 2008».


FIDUCIAL (USA)


» Leia mais


Todas as notícias

25.08.2009 » 

FIDUCIAL DESENVOLVE PROGRAMA DE FORMAÇÃO FINANCEIRA

24.04.2009 » 

FIDUCIAL ESTABELECE PROTOCOLO COM COMFIRA PARA RECUPERAÇÃO DE CRÉDITOS

05.03.2009 » 

FIDUCIAL FAZ BALANÇO POSITIVO DE 2008 E VÊ 2009 COMO UM ANO DE OPORTUNIDADES

08.04.2008 » 

FIDUCIAL EM CAMPANHA DE ANGARIAÇÃO DE NOVOS FRANCHISADOS

26.03.2008 » 

A FIDUCIAL PORTUGAL CONTA, DESDE MARÇO, COM UM NOVO ESCRITÓRIO, COM A ABERTURA DA SUA UNIDADE EM LOUSADA

10.03.2008 » 

FIDUCIAL CRESCE 27 POR CENTO EM 2007

Pesquisa por Marca

Catálogo de Franchising
Franquias de Lazer, Cultura e Viagens
Franquias de Mobiliário e de Decoração
Franquias de Moda
Franquias de Restaurantes e Hotéis
Franquias de Saúde, Desporto e Beleza
Franquias de Serviços a Empresas
Franquias de Serviços para Casas e Construção
Franquias de Serviços Pessoais
Franquias do Sector Automóvel
Franquias na Área da Alimentação
Franquias para Escritórios, Tecnologia Informática e Telecomunicações
Franquias Várias